Programa e Bibliografia de Economia Bancária

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE CAMPINAS

INSTITUTO DE ECONOMIA

CURSO DE GRADUAÇÃO E PÓS GRADUAÇÃO
CE-901 -TÓPICOS ESPECIAIS DE ECONOMIA VII (ECONOMIA BANCÁRIA)

Prof. Dr. Fernando Nogueira da Costa

Objetivo: Apresentar a evolução histórica dos principais bancos e do sistema bancário brasileiro, periodizando-a segundo os marcos monetários-institucionais e fenômenos bancários: reformas, conglomeração, internacionalização, crise, reestruturação, privatização, concentração, desnacionalização, acesso popular a banco, bancarização e microcrédito, desintermediação bancária. Analisar as funções macroeconômicas dos bancos: viabilizar sistemas de pagamento; oferecer rendimento, segurança e liquidez para aplicações financeiras; financiar atividades econômicas. Debater as perspectivas futuras, destacando negócios potenciais – crédito agrícola (agronegócios), crédito imobiliário (desenvolvimento urbano), crédito ao consumidor (mercado de consumo), crédito ao comércio exterior (inserção internacional), crédito educacional – em segmentos do mercado bancário.

Programa e Bibliografia:

PARTE I – HISTÓRIA BANCÁRIA BRASILEIRA

Aula I – Fases da história bancária e monetária brasileira.

COSTA, Fernando Nogueira da. Brasil dos Bancos. São Paulo, EDUSP, 2010. 530 páginas. Introdução, 7.1 e 7.2, Anexo Linhas do Tempo e Bibliografia.

Capa Sumário Prefácio Introdução

Parte I.1 – Bancos Públicos

Aula II – Banco do Brasil – COSTA (2010); cap. 1.

BANCO DO BRASIL. História do Banco do Brasil: 200 Anos. Distrito Federal, Coordenadoria de Comunicação Social do Gabinete da Presidência, 2010.

Livro Banco do Brasil 200 Anos 1964 2008 Autoria de Fernando Nogueira da Costa

livro BCB_bancos_oficiais

VIDOTTO, Carlos Augusto. O sistema financeiro brasileiro nos anos 90: um balanço das mudanças estruturais. Campinas, Tese de Doutoramento, IE-UNICAMP, 2002. Sistema Financeiro Brasileiro nos anos 90

Vidotto Bancos Federais versão Abphe

Banco do Brasil: crise de empresa estatal do setor financeiro (1964-1992)

RODRIGUES, Lea Carvalho. Metáforas do Brasil: demissões voluntárias, crise e rupturas do Banco do Brasil. SP, Annablume/FAPESP, 2004. 390 p. 332.1 R618m. Banco do Brasil: crise de empresa estatal no contexto de reformulação do Estado brasileiro.

IFDs Atuação do Governo no Crédito rev2501

Commanding_Heights_RBCS

Aula III – Caixa Econômica Federal – COSTA (2008); cap. 2.

BUENO, Eduardo. Caixa: uma História Brasileira. Brasília, Buenas Idéias – Metalivros, 2002.

Bancos_publicos_superam_privados 270110

Aula IV – Privatização: Bancos Estaduais – COSTA (2010); cap. 3.

Bancos em Minas Gerais (1889-1964)

Banco do Estado: o caso Banespa

LOPREATO, Francisco Luiz C.. O endividamento dos governos estaduais nos anos 90. Economia e Sociedade. Campinas, (15): 117-158, dez. 2000.

livro BCB_bancos_estaduais

BNDES_Memorias do Desenvolvimento_04_CCEF

PEREIRA, Thiago Rabelo & SIMÕES, Adriano Nascimento. O papel do BNDES na alocação de recursos: avaliação do custo fiscal do empréstimo de R$ 100 bilhões concedido pela União em 2009. Rio de Janeiro, TD-BNDES, 2010.

Avaliação do custo fiscal do empréstimo do TN ao BNDES

Análise do Crédito BNDES td-88

Agenda neoliberal para bancos públicos FNC

arida_bndes original

Texto Arida Ernani 120805

Ernani Teixeira_Livro da Anbid_13_02_2006

LF Paula e JA Faria Eficiencia dos bancos publicos DEA 2a versao

IPEA Bancos Públicos e Desenvolvimento

Parte I.2 – Bancos Privados

Aula V – Concentração Bancária: Bancos Nacionais Privados Líderes – COSTA (2010); cap. 4 e Posfácio.

Atuação do BCB na Crise de 2008 wps202

Concentração Bancária e Risco Sistêmico wps190

ROCHA, Fernando Alberto Sampaio. Evolução da concentração bancária no Brasil (1994-2000). Brasília, NT11 do Banco Central do Brasil, nov/2001.

Evolução da Concentração Bancária no Brasil (1994-2000)

MARKOWITZ, Michele Andrea. Bancos e Banqueiros: empresas e famílias no Brasil. Rio de Janeiro, Dissertação de Mestrado em Antropologia Social, 2004.

BANCOS E BANQUEIROS MicheleAndreaMarkowitz

RODOLFO DIAS – FEBRABAN ABA

FEBRABAN Mémoire FROZEL BARROS natalia

Apresentação do Bradesco de Séries Temporais da Economia Brasileira

Aula VI – Crise Bancária: Bancarrotas de Bancos – COSTA (2010; cap. 5).

BARROS, J. R. MENDONÇA DE & ALMEIDA Jr., M.. Análise do ajuste do sistema financeiro no Brasil. Brasília, MF-SPE, abr/1997.

CARVALHO_OLIVEIRA Fragilização de Grandes Bancos no Plano Real

Fernando Puga BNDES td-68

Aula VII – Desnacionalização Bancária: Reserva e Abertura do Mercado – COSTA (2010; cap. 6).

TOPIK, Steven. “Capital estrangeiro e o estado no sistema bancário brasileiro: 1889-1930”. Revista Brasileira de Mercado de Capitais. Rio de Janeiro, Vol. 5, nº 15: 395-421, set.-dez. 1979.

ROCHA, Fernando Alberto Sampaio. Desnacionalização bancária no Brasil (1997-2000). Campinas, Dissertação de Mestrado, IE-UNICAMP, fevereiro de 2002.

Fernando Alberto Dissertação final


PARTE II – FUNÇÕES BÁSICAS DOS BANCOS

Aula VIII – Viabilizar sistema de pagamentos: tecnologia bancária; mercado da cartões; mercado de reservas bancárias; e sistema de pagamentos brasileiro – COSTA (2010); 7.3.1.

Banco Central do Brasil. Sistema de Pagamentos Brasileiro (SPB). Janeiro de 2012

Perguntas Mais Frequentes

SERASA FDB Inovações no Sistema Financeiro Nacional

Setor Bancário em Números 2010

TRICHES, Divanildo & BERTOLDI, Adriana. A evolução do sistema de pagamentos brasileiro: abordagem comparada. Revista de Economia Contemporânea. Rio de Janeiro, 10 (2): 290-322, mai/ago 2006.

Evolução do SPB…Triches e Bertoldi (2006)

Custo e Eficiência na Utilização de Instrumentos de Pagamento de Varejo

Diagnostico do SPB de Varejo -Adendo-2009

Compulsórios…Garcia (1995)

AULA IX – Oferecer segurança, rendimento e liquidez para aplicações: breve história da riqueza no Brasil; fundamentos sólidos: segurança de ativos imobiliários; forças de mercado: rentabilidade de ativos de risco; regulação do mercado: liquidez de ativos mobiliários; economia de endividamento ou de mercado de capitais; desintermediação bancária – COSTA (2010); 7.3.2.

COSTA, Fernando Nogueira da. Comparando Capitalismos Financeiros. Campinas, TDIE-UNICAMP, nº 160, maio/2009.

Comparando Capitalismos Financeiros

COSTA, Fernando Nogueira da. Finanças dos Trabalhadores. Campinas, TDIE-UNICAMP, nº 182, 2010.

Finanças dos Trabalhadores

Merc.Títulos.RP1.Capa

Merc.Títulos.RP1.Cap.I

AULA X – Financiar atividades: riscos da intermediação financeira; tipos de riscos e interação de riscos; risco de variação de taxa de juros; modelo do prazo de vencimento; modelo de duration; formação da taxa de juros e spread: modelo de precificação – COSTA (2010); 7.3.3.

COSTA, Fernando Nogueira da. “Contra-Racionamento de crédito: do raro e caro ao farto e barato”. In: MENDONÇA, A. R. R. & ANDRADE, R. P. (org.). Regulação Bancária e Dinâmica Financeira: Evolução e Perspectivas a partir dos Acordos de Basiléia. Campinas, Editora do IE-UNICAMP, 2006. pp. 445-476.

Contra racionamento de crédito

DE PAULA, Luiz Fernando & OREIRO, José Luís (org.). Sistema Financeiro: uma Análise do Setor Bancário Brasileiro. Rio de Janeiro, Elsevier-Campus, 2007.

Antídoto contra o spread bancário

Spread Bancário_DissertaçãoUERJ

Decomposicao do spread bancario no Brasil ANPEC

Relatório II Crédito_Freitas (2007)

O componente custo de oportunidade…Economia e Sociedade Oliveira e Carvalho (2007)

paperI – Juros & Spread Bancário – Introdução

paperII – Juros & Spread Bancário – Evolução Recente

paperIII – A Decomposição do Spread Bancário no Brasil

PaperIV – Ações e Medidas para a Redução dos Juros e Spread Bancário

paperV – Direcionamento de Crédito no Brasil

AULA XI – Financiar atividades: papel da Tesouraria nos bancos; debate sobre acesso ao crédito; evolução recente do crédito; microcrédito.

COSTA, Fernando Nogueira da & DEOS, Simone Silva. Reflexões sobre o financiamento da economia brasileira. Campinas, TD-IE-UNICAMP nº 109, abr/2002.

Reflexões sobre o Financiamento na Economia Brasileira

COSTA, Fernando Nogueira da.Bancos e Crédito no Brasil: 1945-2007. Historia e Economia: Revista Interdisciplinar. V.4, n. 2, 2008. São Paulo, BBS/Terra Comunicação Editorial, 2009.

Bancos e Crédito no Brasil – Fernando N Costa BBS

COSTA, Fernando Nogueira da Costa. Microcrédito no Brasil. Campinas, Campinas, TD-IE-UNICAMP nº 175, abr/2010.

Microcrédito no Brasil

livro_brasil_desenvolvimento2011_vol02

O Elo Perdido

PARTE III – Perspectivas dos negócios bancários no Brasil

AULA XII – Agronegócio no Brasil e crise de alimentos; crédito agrícola: seguro rural e responsabilidade socioambiental – COSTA (2010); 7.4.1

REZENDE, Gervásio Castro de. “Políticas trabalhista, fundiária e de crédito agrícola no Brasil: uma avaliação crítica”. Revista de Economia Rural. Rio de Janeiro, vol. 44, nº 01, p. 47-78, jan.-mar. 2006.

Política trabalhista fundiária e de crédito agrícola

td_1009

SANTANNA, André Albuquerque & FERREIRA, Francisco Marcelo Rocha. “Crédito rural: da especulação à produção”. Visão do Desenvolvimento. Rio de Janeiro, Publicação da Secretaria de Assuntos Econômicos (SAE) da Presidência do BNDES, nº 11, 30 de agosto de 2006.

Crédito rural da especulação à produção

Agroindústria BNDES

AULA XIII – Urbanização e favelas; crédito imobiliário: histórico – COSTA (2010); 7.4.2.

ABECIP. O crédito imobiliário no Brasil: caracterização e desafios. São Paulo, FGC Projetos, março de 2007.

URANI, André. A Megalópole Brasileira. Rio de Janeiro, Estudo do IETS-LIGHT, Apresentação na ACRJ, 11/12/2007.

Megalópole André Urani

Urbanização de Favelas IBAM volume1

td_1155 Crescimento das Cidades

AULA XIV – Sociedade de consumo e crédito direto ao consumidor: inserção internacional da economia brasileira e mudanças sócio-demográficas; estratégia nacional: mobilidade social e crédito educativo – COSTA (2010); 7.4.3 e 7.4.4.

ALVES, José Eustáquio Diniz. O Bônus Demográfico e o Crescimento Econômico no Brasil. Rio de Janeiro, Escola Nacional de Ciências Estatísticas ENCE-IBGE, 2005.

bonus demografico

transicao_demografica

Bônus Demográfico NEG037_p128a135

Bônus Demográfico Valor_20080508

EM2004 Parte2

EUA decaem mas China ainda não é páreo 131109

BRIC 100413_comunicado ipea 431

Goldman Sachs BRIC long-term-outlook-doc

Ranking dos países em 2050

AULA XV – AVALIAÇÃO: seminário com apresentação escrita e oral da idéia-chave defendida em artigo individual a respeito de “Passado, presente e futuro dos negócios bancários no Brasil” ou algum tema apresentado em seminário.

AVALIAÇÃO:

1)    SEMINÁRIOS

  • participação boa nos seminários: 4 pontos.
  • participação regular nos seminários: 2 pontos.
  • atitude omissa nos seminários: nenhum ponto.
  • perda de 1 ponto por ausência injustificada em seminário (reprovação com perda acima de 3 pontos).

2) TRABALHO ESCRITO: 6 pontos.

3) FREQÜÊNCIA: freqüência obrigatória em pelo menos 75% das aulas (12).

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s