Balanço Comercial Brasileiro em 2014

X e M 2014Saldo com Parceiros Comerciais 2013-14

Para especialistas, em 2015, o balanço comercial deve voltar a registrar superávit, mas via redução de importação acima do encolhimento das vendas ao exterior. A média das projeções das consultorias apontam superávit de US$ 5,6 bilhões neste ano. Para reverter o mau desempenho do ano passado, deve-se anunciar medidas de estímulo às exportações.

Continue reading “Balanço Comercial Brasileiro em 2014”

Petróleo: Produção em Alta, Preços em Queda

Produção em alta e preços em baixa

Nicole Friedman (WSJ, 02/01/15) informa que os preços do petróleo em queda livre no segundo semestre de 2014 anularam as previsões econômicas globais [inclusive levando a crer em um ritmo menor e/ou atraso dos investimentos na extração no pré-sal brasileiro], impulsionaram os gastos dos consumidores e deixaram os mercados em polvorosa de Moscou até o Texas. Agora que os preços nos Estados Unidos caíram de US$ 107,26 o barril, em junho, para menos de US$ 45 o barril, os analistas e investidores estão considerando que os preços baixos são a nova realidade. [Até quando? Ninguém pode prever data com precisão, apenas processo. Porém, os economistas tentam…]

Investidores e operadores dizem que uma recuperação dos preços provavelmente só virá no segundo semestre de 2015, já que no momento a produção petrolífera americana continua subindo e o crescimento global fraco pesa sobre a demanda. Vão se passar meses até que o excesso global de petróleo diminua, segundo participantes do mercado. Os produtores vão demorar para reduzir a quantidade de perfurações e os consumidores não vão mudar seus hábitos de consumo de imediato. Continue reading “Petróleo: Produção em Alta, Preços em Queda”