Burocracia Cartorial e Financeira: Crônica da Morte Anunciada

Crédito Imobiliário X PIB

Compartilho uma matéria publicada no site Valor Econômico em 19/02/2015 (http://www.valor.com.br/financas/3915292/projeto-que-acelera-credito-habitacional-avanca).

No Brasil, realizar a compra de um imóvel exige paciência diante das exigências absurdas da burocracia cartorial e financeira do país. Da decisão de financiar um imóvel até efetivamente receber o dinheiro do banco para pagar a casa, o comprador faz quase uma romaria entre o banco e os cartórios, munindo- se de uma infinidade de certidões. No final, acaba dependendo de uma boa dose de sorte, já que, se faltar um documento sequer, a pena é recomeçar tudo do zero.

A duração de todo esse périplo varia em função da agilidade do banco que concede o empréstimo e do cartório aonde está o imóvel. Embora não haja estatística oficial sobre o tema, o consenso entre os bancos é que o processo leva cerca de 30 dias em média, chegando a três meses na pior das hipóteses.

Felizmente, a promessa antiga do setor de dar um cabo dessa demora está saindo do papel. No Estado de São Paulo, os cerca de 320 cartórios de registro imobiliário conseguiram, via a associação do setor (Arisp), montar uma rede interligada e digital para troca de documentos e informações.

Continue reading “Burocracia Cartorial e Financeira: Crônica da Morte Anunciada”