Como Fazer Apenas Uma Bagagem de Mão para Viagem

Fazer mala

Era uma vez, quando eu viajava diariamente de avião. Ainda bem que foi apenas uma fase. Valeu para aprender a fazer uma pequena mala-de-mão, rapidamente, para não ter nem de despachar nem esperar a esteira rolante. Deixei de perder pelo menos uma hora por dia.

Com as pessoas na correria para sair de férias ou em feriadões, são boas as chances de elas se verem cercadas de muitas e pesadas malas.

Hoje, praticamente todas as companhias aéreas dos Estados Unidos cobram por mala despachada – geralmente US$ 25 pela primeira e US$ 35 pela seguinte, com taxas adicionais por bagagem que excede os limites de peso.

A única maneira de burlar o sistema é adotar um estilo de vida que contemple apenas a bagagem de mão. Aprenda a viajar com malas leves e você poderá economizar centenas de dólares anualmente. Para isso, vale ler os conselhos de Alexandra Jimenez, autora do livro “Pack Light Stylishly” (TravelFashionFirl.com). Ela percorre o mundo há anos – Chris Taylor da Reuters (Valor, 11/01/16) conversou com ela por telefone quando ela se encontrava no México – com nada mais que uma bagagem de mão.

Abaixo suas melhores dicas para simplificar a vida do viajante e evitar gasto extra desnecessário.

Como a senhora se tornou uma guru na questão das viagens com pouca bagagem?

Alexandra Jimenez: Estou na estrada desde 2008 e fiquei cansada de carregar malas pesadas por aí o tempo todo. Fiquei obcecada com a ideia de viajar com o mínimo de bagagem possível. Quando via outros viajantes com malas pequenas, eu perguntava a eles como faziam.

Pode nos revelar um de seus segredos?

Alexandra: O mais eficiente é o uso de cubos de embalagem. Eles são ferramentas organizacionais usadas para comprimir suas coisas, mais ou menos como fazem os invólucros de sacos de dormir. Eles tornam coisas grandes e volumosas em coisas menores, de modo que são o primeiro passo para reduzir sua mala.

 

E sobre reduzir o volume geral?

 

Alexandra: O passo seguinte é diminuir o peso e também o tamanho. Para fazer isso, você precisa embalar os tipos certos de tecidos. Especialmente no inverno, a maioria da pessoas coloca nas malas roupas volumosas e grandes, que ocupam quase todo o espaço. Mas hoje em dia, há materiais leves e finos que aquecem tanto ou até mais. Tecidos dos tipos voltados para a prática de exercícios físicos, como os usados por corredores, são muito bons para isso. Os viajantes experientes também usam muito a lã de merino, que é muito fina mas um isolante incrível.

O que os viajantes extremos sabem sobra a preparação de uma mala que o resto de nós não sabe?

Alexandra: Um de nossos maiores segredos é que usamos as roupas mais de uma vez. Se você vai passar uma semana fora de casa, não precisa de sete partes de cima e sete partes de baixo de roupas. Você precisa apenas de alguns itens que sejam muito versáteis e não precisam ser lavados constantemente. Os jeans são muito bons para isso.

Em que as pessoas erram ao fazer a mala?

Alexandra: No caso das mulheres são os sapatos. Você não precisa de dez pares; vai precisar no máximo de três, que combinem com tudo. As pessoas também exageram nos cosméticos, levando coisas como frascos de xampu grandes demais. Carregue apenas recipientes pequenos para viagens pequenas que estejam dentro das normas federais de viagens. As pessoas também se esquecem de verificar a previsão do tempo em seus destinos. Você não precisa fazer uma mala para cinco tipos diferentes de clima se vai fazer calor a semana toda. Finalmente, as pessoas tendem a fazer suas malas de acordo com algumas fantasias de viagem sobre o que elas pensam que vão fazer, em vez de levar em conta o que elas realmente pretendem fazer. Assim, elas colocam na mala roupas para vários jantares em restaurantes cinco estrelas em Paris, quando na verdade vão acabar usando a roupa favorita e mais confortável ao longo de toda a semana.

Quanto dinheiro as pessoas podem economizar aprendendo essas dicas?

Alexandra: Até mesmo os viajantes ocasionais podem economizar centenas de dólares por ano, e os viajantes frequentes mais do que isso. Afinal, o propósito de ter o voo agradável vai por terra se você for gastar US$ 50 ou mais toda vez que for despachar uma mala. Mas viajar com malas leves não quer dizer apenas evitar taxas com a bagagem. Na verdade, isso torna sua viagem muito mais agradável porque você não ficará mais arrastando todas aquelas malas pesadas. Isso mudou minha vida de viajante.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s