Brasil, Conservadorismo e Familismo

Lilia M S

A antropóloga e historiadora Lilia Moritz Schwarcz classifica os elementos que usufruirão do golpe parlamentarista questionáveis e transformariam “o impeachment” em mera retórica política de uma farsa. Autora do best-seller “Brasil, Uma Biografia“, em parceria com a também historiadora Heloisa Starling, e de “As Barbas do Imperador“, sobre d. Pedro II, Lilia é professora na USP e em Princeton (EUA).

Em entrevista concedida a Ricardo Mendonça (Valor 06/05/16), falou sobre legados que devem ser deixados pelo PT, sobre o comportamento dos deputados na votação da abertura do processo de afastamento – marcado pelo que chama de “familismo” – e sobre manifestações do conservadorismo no Brasil. Extraio abaixo de sua entrevista esses comentários sobre Política no Brasil.

Continue reading “Brasil, Conservadorismo e Familismo”

Golpe e Estado de Exceção

Captura de Tela 2016-05-04 às 10.10.29

Laymert Garcia dos Santos tem bacharelado em jornalismo pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), mestrado em Sociologia das Sociedades Industriais pela École des Hautes Études en Sciences Sociales (EHESS) da França e doutorado em Ciências da Informação pela Universite de Paris VII – Universite Denis Diderot. É professor titular do departamento de Sociologia do Instituto de Filosofia e Ciências Humanas (IFCH) da Unicamp. Foi membro do Conselho Nacional de Política Cultural do Ministério da Cultura e diretor da Fundação Bienal de São Paulo. É autor, entre outros livros, da obra “Politizar as novas tecnologias – O impacto sócio-técnico da informação digital e genética”. (Editora 34, 2003). Sua atuação tem ênfase na Sociologia da Tecnologia e na Arte Contemporânea, principalmente em temas como tecnologia, biotecnologia, arte contemporânea, política e Brasil.

O pesquisador e professor da Unicamp Laymert Garcia dos Santos tem diploma de graduação em jornalismo, mas há décadas se dedica ao estudo da Sociologia, principalmente da Sociologia das Tecnologias da Informação. Na crise política atual, Garcia dos Santos tem emergido como uma das vozes mais firmes em defesa do mandato da presidente Dilma Rousseff, e um dos mais contundentes argumentadores da tese de que há um golpe em curso no país. O artigo “O Intolerável”, publicado em seu site pessoal (http://www.laymert.com.br/o-intoleravel/) teve ampla divulgação no meio digital.

No meu entendimento, já estamos num Estado de Exceção”, disse ele, em entrevista ao Jornal da Unicamp – Campinas, 29 de abril de 2016 a 08 de maio de 2016 – ANO 2016 – Nº 654. “Se se suspendem as garantias constitucionais a ponto de se autorizar o grampo, e a divulgação do grampo, da presidente da República, isso significa que a Constituição não está valendo para ela. E se não está valendo para a presidente da República, para quem vai valer?” Ele também não acredita que a crise possa ser superada com a eventual formação de um novo governo pelo vice-presidente Michel Temer: “Não é assim, tira a Dilma, o Temer entra, compõe o governo e sai tudo funcionando, de rodinha. Essa é uma visão absolutamente simplista do Brasil”.

A despeito dessa avaliação sombria do cenário atual, o pesquisador revela entusiasmo com as novas mídias emergentes – “graças a Deus que a gente tem internet para construir um discurso alternativo”. Leia, abaixo, os principais trechos da conversa de Garcia dos Santos com a reportagem:

Continue reading “Golpe e Estado de Exceção”