Dano Colateral: Intervenção dos Militares na Segurança Pública

Em “Dano Colateral: a Intervenção dos Militares na Segurança Pública” (Objetiva), a jornalista Natalia Viana conta a história dos civis mortos pelas Forças Armadas na última década em GLOs (operações de garantia da lei e da ordem).

O caso com maior repercussão foi o assassinato do músico Evaldo dos Santos e do catador Luciano Macedo em 2019, pouco depois do fim da intervenção federal no Rio de Janeiro. Evaldo ia com a família para um chá de bebê e seu carro foi alvejado por mais de 60 tiros de fuzil.https://omny.fm/shows/ilustr-ssima-conversa/amea-as-das-for-as-armadas-mostram-falta-de-autocr/embed

Viana, cofundadora e diretora-executiva da Agência Pública de Jornalismo Investigativo, mostra esse não ter sido um evento isolado: pelo menos 35 pessoas foram mortas em situações semelhantes entre 2011 e 2019. De acordo com ela, há um padrão de não investigar e não punir os militares envolvidos nessas ações.

No episódio do podcast do Ilustríssima Conversa, a jornalista abordou as consequências do emprego das Forças Armadas na segurança pública e discutiu as origens da intensa participação dos militares na política brasileira nos últimos anos.

Mulher com cabelos na altura do ombro usando blazer preto
Retrato de Natalia Viana, autora de ‘Dano Colateral’ – Kholood Eid/Divulgação

Viana sustenta: os comandantes do Exército e das outras Forças precisam entender seu papel em uma democracia. O retorno da normalidade democrática no país depende de uma profunda repactuação entre civis e militares. Não há sinais, no entanto, de os generais pretenderem se afastar do debate político e voltar para a caserna, afirma.

A resposta assinada pelos três comandantes quando houve uma crítica de um senador [Omar Aziz, presidente da CPI da Covid] de que havia uma banda podre nas Forças Armadas —uma resposta dura e ameaçadora— é um grave problema porque demonstra muito claramente a falta de respeito a outro Poder constitucional e a falta de autocrítica das Forças Armadas.

O Ilustríssima Conversa com a jornalista Natalia Viana está disponível nos principais aplicativos, como Apple PodcastsSpotify e Stitcher. Ouvintes podem assinar gratuitamente o podcast nos aplicativos para receber notificações de novos episódios. O podcast entrevista, a cada duas semanas, autores de livros de não ficção e intelectuais para discutir suas obras e seus temas de pesquisa.

Clique neste link para acessar o podcast.

De Volta ‘Pra’ Casa aborda crise no Afeganistão e recomenda leitura de “A Superindústria do Imaginário”. Ouça a íntegra da edição no link abaixo.

Ouça o programa completo
Cultura FM – 103,3
20/08/2021 19h38

Cultura FM
Cultura FMDe Volta ‘Pra’ Casa

Ouça a íntegra: https://player.mais.uol.com.br/?mediaId=16960582&type=audio


O presidente americano, Joe Biden, veio a público para explicitar as ações de seu país na tumultuada retirada do Afeganistão. Para entender melhor a situação por lá, conversamos com Oliver Stuenkel, professor de Relações Internacionais da FGV.

Sexta-feira é dia da coluna “Com a Palavra, o Livro”. O convidado é um dos grandes pensadores da comunicação brasileira, Eugênio Bucci, professor da Escola de Comunicações e Artes da USP.

De Volta ‘Pra’ Casa, com apresentação de Alexandre Machado e Gilson Monteiro, vai ao ar pela Rádio Cultura FM (103.3 MHz), de segunda a sexta-feira, às 18h, também na Cultura Brasil (AM 1200 kHz ou FM 77,9 MHz) e no aplicativo Cultura Digital.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s