Brasil do Amanhã: Paradigmas do Desenvolvimento

O Programa de Educação Tutorial (PET/Economia) da Faculdade de Ciências e Letras de Araraquara (UNESP/FCL-Ar) me convidou como palestrante da IV Semana de Discussões em Economia e Atualidades (DEA), realizada nos dias 4, 5 e 6 de junho de 2019, nas dependências da UNESP/FCL Araraquara.

O DEA se trata de um espaço de reflexão e análise crítica da realidade econômica nacional e traz em pauta as principais discussões emergentes no cenário brasileiro, de modo a integrar toda a comunidade acadêmica. O tema proposto para este ano será “O Brasil do amanhã: os paradigmas do desenvolvimento”, visando abordar diferentes interpretações para os desafios econômicos e as alternativas para a retomada do desenvolvimento do país.

Ontem à noite ministrei uma palestra apresentando as discussões e reflexões propostas pela temática do IV DEA, para ampliar o debate acadêmico e a formação dos estudantes, além de promover o pensamento crítico.

Download da PalestraFERNANDO N. COSTA – Apresentação UNESP-FCL Araraquara 05.06.2019

Seminários para Debate de um Projeto Nacional

Cristian Klein e Francisco Góes (Valor – Eu&Fim-de-Semana, 26/04/19) escreveram reportagem sobre um Seminários para Debate de um Projeto Nacional.

Brasil acima de tudo” está no bordão repisado pelo presidente da República, mas é uma casa de shows no bairro do Catete, no Rio, que tem se transformado, semanalmente, no QG da defesa de um projeto nacional — distante do ideário da nova direita bolsonarista. Em meio à onda conservadora, políticos, artistas, acadêmicos e diplomatas, reunidos no Casarão Ameno Resedá, estão se dedicando a debater o país em 36 seminários. Até dezembro de 2019, pretendem apontar rumos para a nação que, em três anos, completará o bicentenário da Independência.

É com esse marco histórico em mente que o professor e consultor Darc Costa, de 70 anos, presidente do Instituto Brasilidade, decidiu reunir um time de especialistas em diversas áreas – da infraestrutura e energia, passando por música, cinema e arquitetura, à política externa – para achar respostas ao dilema da questão nacional. Mais uma vez, a empreitada é em parceria com o amigo e economista Carlos Lessa, com quem fundou o instituto e de quem foi vice-presidente na gestão do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) entre 2003 e 2004.

Estudioso de questões estratégicas, Darc Costa tem como principal preocupação a retomada de um projeto nacional que, afirma, o Brasil perdeu a partir dos anos 80, mas cuja articulação depende agora de um ex-capitão do Exército. Em sua visão, Jair Bolsonaro representa uma ruptura ao predomínio do pensamento liberal paulista, vigente desde a redemocratização de 1985 e que já havia dado as cartas na República Velha, entre 1889 e 1930. “Só que Bolsonaro não tem escopo teórico para conduzir o processo. Não tem a formação, por exemplo, de um general Mourão [vice-presidente], que demonstra ser muito mais sólida”, compara.

Costa afirma que apenas quando o Brasil reconstruir o seu projeto de país, como houve entre as décadas de 30 e 80, é que haverá solução para grandes problemas, como o crescimento e a redução da desigualdade social. Cita a importância do marechal Mário Travassos (1891-1973), que escreveu quando ainda era capitão, em 1935, o livro “Projeção Continental do Brasil”, que “lastreou toda a política externa do Brasil durante cinco décadas, a partir da era Vargas”.

Continuar a ler

Mihaly Csikszentmihalyi – TED2004 – Flow, the secret to happiness

Abaixo a transcrição da Palestra TED de Mihaly Csikszentmihalyi – em 2004: Flow, the secret to happiness.

Eu cresci na Europa, e a Segunda Guerra Mundial me pegou quando eu tinha entre 7 e 10 anos. E percebi quão poucos adultos que eu conhecia eram capazes de resistir às tragédias que a guerra trouxe a eles; quão poucos deles podiam levar uma vida minimamente normal, contente, satisfeita, feliz, quando seus trabalhos, suas casas, sua segurança, foram destruídos pela guerra.

Então, fiquei interessado em entender o que contribuiu para uma vida que vale a pena viver. E tentei, na infância e adolescência, ler sobre filosofia e me envolver com arte e religião, e muitas outras formas que eu via como possíveis respostas àquela questão. E finalmente acabei encontrando a psicologia por acaso. Continuar a ler

Vídeo-Conferência: Projetos de País em Debate Eleitoral

O Departamento de Economia da Universidade Federal de Viçosa (UFV) promove anualmente, no âmbito do seu Programa de Pós-Graduação em Economia, o Seminário de Desenvolvimento e Políticas Públicas. O intuito do evento é refletir sobre os problemas do desenvolvimento brasileiro e apresentar possíveis soluções para a melhoria da qualidade de vida da população.

Este ano o evento ocorreria nos dias 23 e 24 de agosto e teria como temática: Perspectivas para o Brasil: economia, política, sociedade e tecnologia.

“Nesse sentido, gostaríamos de convidá-lo a participar deste Seminário proferindo uma palestra, da sua escolha e observando o tema supracitado, dada a sua vasta experiência na área. Diante da impossibilidade da sua participação presencial e acreditando que seu nome contribuiria muito para o debate, informamos que sua participação pode ser via webconferência.”

O evento não foi realizado, presencialmente, por carência de verbas para financiar a educação. Então, fiz uma video-conferência direto do meu escritório. Foi minha primeira experiência de palestra virtual.

Download da ApresentaçãoFERNANDO N. COSTA – Projetos de País em Debate Eleitoral